3 minutos de leitura4 dias numa ilha paradisíaca: uma inesquecível viagem interna

Ficar quatro dias numa ilha paradisíaca, aqui mesmo no Brasil, que tal? Bom, essa proposta pode parecer um pouco distante demais da sua realidade, até porque nos dias de hoje… com tanta correria, quem conseguiria reservar vários dias para ficar isolado em meio à natureza, se conectar consigo mesma? Justamente para provar que isso é possível, 50 pessoas foram para a Ilha do Papagaio, em Santa Catarina, participar da imersão realizada pela Sonata Brasil.

A proposta do encontro teve como foco ensinar que cada um de nós precisamos, sim, dar mais valor às mensagens que recebemos através do que sonhamos todas as noites. Para ensinar técnicas, como aplicá-las e ainda reflexões que permitiriam a cada um fazer uma “viagem interna” nesses quatro dias em busca de autoconhecimento, a Sonata Brasil trouxe um especialista direto de Roma (Itália), Paolo Garcia.

paolo-e-soraia Paolo Garcia e Soraia Schutel, da Sonata Brasil

Além dele, Cláudio Senna também participou com técnicas de meditação, especialmente dedicado ao mindfulness, uma prática de meditação que está sendo muito usada até mesmo em empresas para aumentar a produtividade.

“A imersão da Sonata Brasil estimula o exercício de olhar para dentro. Autoconhecimento é empoderamento e, poder ter essa experiência com um grupo de profissionais de altíssimo nível, simplesmente não tem preço. Construímos conexões de valor para toda da vida”, afirma a empreendedora Lina Donnard, que veio diretamente de Montreal, no Canadá, para fazer a imersão.

01

Para quem chega lá no primeiro dia e se depara com o paraíso que é a Ilha do Papagaio, logo percebe que não vai faltar inspiração. Aos poucos, depois de cada aula com os especialistas entre as árvores da ilha, é possível notar a transformação que a energia do ambiente e do contato direto com a natureza gera em cada participante.

“Quando temos um querer de quem realmente QUER que as coisas aconteçam, a gente percebe que tem o poder de mudar o mundo! A imersão me ajudou a enxergar isto e transformou a minha forma de pensar e agir. Em tão pouco tempo pude observar que entrei como menina, cheia de dúvidas. Mas de forma tão simples e transformadora saí uma mulher, com a certeza de que a mudança que eu quero no mundo só depende de mim”, destaca Rosicleide da Silva Ramos, analista de gerenciamento de risco na Ford Credit.

04 Aula de meditação com Cláudio Senna

Uma frase que se ouvia muito entre os participantes, que vieram de várias partes do mundo e do Brasil, e que atuam nas mais diversas áreas – desde área rural a ONG’s, musical, além de executivos e empresários de pequenas, médias e grandes empresas – era que “a imersão da Sonata Brasil foi um divisor de águas” na vida de cada um.

“Ter participado da imersão Sonata Brasil foi simplesmente transformador. Quatro dias de muita energia, inspiração, equilíbrio, conhecimento e amor. Muita gratidão por esses momentos inesquecíveis e por ter conhecido pessoas que buscam e lutam por um mundo melhor”, conclui André Lacet, músico e designer.

03

E, você, lembra do que sonhou essa noite? Quer uma dica do nosso especialista Paolo Garcia? Tenha um diário dos sonhos e anote tudo que sonhar!

Em breve, a Sonata Brasil vai divulgar a agenda de atividades para 2017, que vai contar com imersões no Brasil e no exterior.

*Conteúdo produzido pela agência Visão Estratégica Comunicação (www.visaoestrategica.com.br)

No Comments

Post A Comment