3 minutos de leituraQual deve ser a postura de um líder educador?

Quanto do seu tempo e dinheiro você investe na educação dos seus liderados? Transcender a questão operacional e atingir níveis mais profundos de autoconhecimento e gestão educadora cria propósito e fortalece a cultura da empresa. Pensando nisso, o sétimo módulo do MBA em Gestão, Excelência e Prosperidade – que aconteceu nos últimos dias 23 e 24 de novembro em Porto Alegre/RS – trouxe como tema a Pedagogia Empresarial: Líder Educador.

Com um time incrível de professores, os alunos foram convidados a mergulharem no mundo da educação, com o objetivo de compreender as bases da educação de adultos, entender o processo de delegação, desenvolver engajamento e integração entre diferentes gerações e como desenvolver planos de educação continuada nas organizações. Além disso, foram trabalhadas com os alunos habilidades de aplicação de ferramentas de mentoria e coaching, obtendo as bases para construir uma verdadeira postura de líder educador.

Na manhã do primeiro dia, conduzidos pela professora mestranda Gabrielle Foletto, o foco foi em uma das atividades mais importantes das empresas que é o recrutamento e seleção. Alguns dos pontos tratados foram como se preparar para entrevistas, a condução do processo, as pessoas envolvidas e ferramentas que podem auxiliar o líder na decisão da contratação.

À tarde, os alunos foram recebidos e apresentados ao case do Instituto Ling, entidade criada por iniciativa do casal Sheun Ming Ling e Lydia Wong Ling, com o objetivo de contribuir para a transformação da sociedade brasileira através de investimentos em educação. Em seguida, sob a condução da professora mestranda Sheila Sampaio, o tema desenvolvido foi a empatia, habilidade fundamental para criar conexões com as outras pessoas, fortalecendo as relações interpessoais e por consequência melhorando toda a comunicação na empresa.

No segundo dia, a professora Dra. Soraia Schutel trouxe os temas de educação para adultos sob a ótica da Aprendizagem Transformadora, teoria que traz autoconhecimento, cria negócios com propósito e solidifica a cultura empresarial. Soraia abordou ainda sobre a motivação na perspectiva da Psicologia, Filosofia e Gestão, contribuindo com ferramentas práticas para gerar maior motivação interna e externa nos colaboradores.

Em seguida, Marina Prada Machado, profissional com vasta experiência na área de RH Estratégico e multinacionais, compartilhou um pouco de sua trajetória profissional e trouxe ferramentas e práticas empresariais que vivenciou.

Para finalizar, houve a entrega individual da Avaliação de perfil comportamental por meio da ferramenta PDA (Personal Development Analysis) aliado à metodologia exclusiva Sonata Brasil de diagnóstico. Esta ferramenta é utilizada internacionalmente em Assessment de executivos e um dos diferenciais do MBA é que cada aluno recebe a sua avaliação como mais um método para reforçar o autoconhecimento.

E o encerramento do ano de 2018 não poderia ser melhor: os alunos foram convidados ao contato com arte, cultura e gestão ao assistir o concerto Música de Cinema na OSPA – Orquestra Sinfônica de Porto Alegre, regido pelo maestro Evandro Matté.

Segundo a maior pesquisa já feita pela universidade de Harvard que durou cerca de 75 anos, o maior motivador de uma vida boa, com felicidade, saúde e sucesso pessoal, são os bons relacionamentos. Por isso nada melhor do que criá-los e cultivá-los para viver uma vida plena. O MBA em Gestão, Excelência e Prosperidade pode ser a ponte para fazer essas conexões e a próxima turma já está sendo formada. Quer mais informações? Envie e-mail para contato@sonatabrasil.com.br, retornaremos com muito carinho para você.

 

No Comments

Post A Comment